Brasileiros

Agenda: Confira os destaques das próximas semanas

Arte - Agenda

A capital paulista recebe mostra de Maria Leontina, a coletiva “Histórias da sexualidade” e a 8ª Mostra SP de Fotografia.
Da Redação
Publicado em: 27/10/2017 - 16:28Alterado em: 01/11/2017 - 17:05


A capital paulista recebe 7ª Mostra 3M de Arte Digital no Largo da Batata. O Espaço Cultural PortoSeguro inaugurou a mostra Tempo Presente. Já na capital fluminense, é possível visitar exposição de Antonio Manuel e em Salvador inaugura a mostra de Isabelle Borges.

Laura Vinci, Morro mundo_fragmento

Tempo presente, coletiva no Espaço Cultural Porto Seguro, em São Paulo, até 17/12

Com curadoria de Amanda Dafoe e Rodrigo Villela, mostra traz sete instalações interativas com o objetivo de incentivar a ocupação do espaço pelo público. As obras são de Tomie Ohtake, Leandro Lima e Gisela Motta, Laura Vinci, Coletivo Opavivará, Laura Belém, Nazareno e Raquel Kogan. Também serão realizadas oficinas oferecidas pela instituição, paralelamente.

Antonio Manuel, Retas e Brilho, 2017

Antonio Manuel, individual na Cassia Bomeny Galeria, no Rio de Janeiro, até 21/11

A Cassia Bomeny Galeria, em Ipanema, recebe mostra individual de um dos mais importantes artistas plásticos brasileiros. Com curadoria de Franz Manata, a exposição reúne cerca de 15 pinturas inéditas, produzidas em 2016 e 2017 por Antonio Manuel, artista que foi o representante do Brasil na Bienal de Veneza de 2015 e cujas obras integram o acervo de importantes coleções, como MoMA, em Nova York, e Tate Modern, em Londres. Antonio Manuel completa este ano 70 anos de idade e 50 de trajetória e continua ativo, se desfiando. As novas pinturas seguem os traços geométricos mas há a introdução de texturas em algumas obras. Há 13 anos, o artista não expõe em uma galeria de arte.

Detalhe da obra de Willys de Castro, Estudo final para pintura n.112, 1956

Concretos/Neoconcretos Paulistas, coletiva no Studio Nóbrega, em São Paulo, até 17/11

Willys de Castro, Waldemar Cordeiro, Antonio Maluf, Geraldo de Barros, Hércules Barsotti, Hermelindo Fiaminghi, Maurício Nogueira Lima, Alexandre Wollner, Judith Lauand, Luiz Sacilotto e Lothar Charoux, e ainda Alfredo Volpi em sua fase concreta, são os artistas que integram a exposição. A mostra apresenta 25 obras de autoria dessas figuras da Arte Concreta e Neoconcreta paulista, criteriosamente selecionadas pelo artista plástico abstrato-geométrico Macaparana que, a convite da galeria, assina a curadoria da exposição.

Sandra Mazzini, Como os rios correm para o mar, 2017

Como os rios correm para o mar, individual na Janaina Torres Galeria, em São Paulo, até 16/12

A Janaina Torres Galeria recebe a primeira mostra individual de Sandra Mazzini, com doze pinturas figurativas da jovem artista paulistana. Seu trabalho já foi bastante elogiado por artistas conceituados como Leda Catunda e Sergio Romagnolo. Nas pinturas, ela trata de um universo bucólico, do campo, referência à vida dos seus avós, que eram agricultores no interior de São Paulo. São pinturas figurativas, sobrepostas por formas geométricas.

Visualfarm, Video Guerrilha, 2011

7ª Mostra 3M de Arte Digital, coletiva no Largo da Batata, em São Paulo, até 3/12

Com o intuito de democratizar o acesso à arte, a 7ª Mostra 3M de Arte Digital ocupa o Largo da Batata, no bairro de Pinheiros, na capital paulista. Com trabalhos inéditos dos renomados artistas Guto Lacaz, Giselle Beiguelman, Maurizio Zelada e Alexis Anastasiou e da dupla Gisela Motta e Leandro Lima, a mostra que tem curadoria da produtora cultural Elo3, propõe a discussão da relevância da tecnologia, da ciência e do mundo virtual na sociedade contemporânea. O catálogo da exposição, com informações completas sobre as obras, artistas, e o programa pedagógico terão recursos interativos e poderão ser vistos no celular, por meio do aplicativo Mostra 3M de Arte Digital, ou no site www.mostra3mdeartedigital.com.br. O Facebook mostra 3M de arte digital e o Instagram mostra3mdeartedigital também vão manter o público conectado.

Isabelle Borges, The Plan Nr.7, 2017

L'espace indicible - O espaço inefável, individual na Roberto Alban Galeria, em Salvador, até 20/11

Em sua primeira grande mostra em Salvador, Isabelle Borges conecta a Bahia com a vanguarda alemã. A exposição é resultado da efervescente cena da cidade de Berlin, na Alemanha, que vive um momento especial em produção e criatividade, com a inquietude da artista visual baiana em uma reflexão sobre tempo e espaço, explorando diversos conceitos e expressões artísticas. Trata-se da primeira grande exposição da artista em sua terra natal, apesar do reconhecimento ao seu trabalho já alcançar a esfera internacional. Isabelle Borges reside na Alemanha há mais de vinte anos e independentemente da distância geográfica de seu país de procedência, a artista incorpora em sua obra características marcantes de uma arte internacional enraizada nos dois continentes.

 
Tags: 
Assine e Colabore

Precisamos do seu apoio. Por menos de um café com pão de queijo, você garante jornalismo com rigor editorial.

X

Acesso restrito a assinantes e cadastrados

Você atingiu o limite de 5 REPORTAGENS por mês

Identifique-se para continuar e ler 10 Reportagens por mês

Cadastre-se

ou

Conecte-se com o Facebook

já sou cadastrado

Colabore conosco!
Colabore com o futuro do jornalismo de qualidade.
Assine agora e tenha acesso ilimitado

Aproveite nossa promoção de lançamento e pague apenas R$ 1,90/mês*

Quero Assinar * Promoção válida até 31 de Dezembro de 2017