Para ARTE!Brasileiros a produção artística é permeada pelo encontro das inúmeras variáveis que comportam o sujeito contemporâneo. Condições sociais, econômicas, culturais e psíquicas do individuo determinam escolhas éticas e estéticas. É, por esta razão que, ao longo da história da humanidade, a arte funciona como um espelho capaz de devolver uma imagem de si mesma e daquilo que vemos nela. Uma imagem capaz de criar um acúmulo de perguntas para o sujeito que a observa. Uma imagem que nos perturba de alguma forma. A devolutiva da imagem da obra, que é quase um calidoscópio é capaz de provocar questionamentos e emoções, que são únicas para cada observador. Neste sentido, o mais importante ao entrarmos em contato com a obra de arte não é apenas o conhecimento enciclopédico que podemos obter sobre ela e sim, a “experiência com ela”.

JUNHO DE 2018 - TEXTOS ESCOLHIDOS

PRIMEIRO LUGAR

Expectativa X Realidade

ESCOLA ESTADUAL DR. OCTÁVIO MENDES, por Caio de Jesus Assunção - 1ª A. Professora Paula Vaz Guimarães de Araújo

SEGUNDO LUGAR

A Visita

ESCOLA ESTADUAL DR. OCTÁVIO MENDES, por Kauê Tupinambá – 1º A . Professora Paula Vaz Guimarães de Araújo

TERCEIRO LUGAR

Visita Ao Instituto Tomie Ohtake

ESCOLA ESTADUAL DR. OCTÁVIO MENDES, por Riquelme dos Santos Santana – 1º B. Professora Paula Vaz Guimarães de Araújo

Nosso projeto

O mais importante ao entrarmos em contato com a obra de arte não é apenas o conhecimento enciclopédico que podemos obter sobre ela e sim, a “experiência com ela”.

Neste sentido, ARTE!Brasileiros propõe se juntar à iniciativa de Museus e Instituições culturais, somando, aos esforços dos respectivos educativos.

Para isso, incentivará, em parceria com coordenadores e professores de escolas públicas e privadas, visitas de alunos do ensino médio a exposições devidamente programadas que, onde após a atividade, terão a possibilidade de desenvolver um texto singular, da sua visão e experiência e envia-lo para nossa redação, onde, mensalmente nossos especialistas escolherão os três melhores textos por escola. Os textos escolhidos serão publicados e divulgados neste espaço e nas redes através do instagran/face/ portal, artebrasileiros e paginaB.com.br e pelo site dos museus ou instituições participantes e das escolas.

A iniciativa busca sistematizar a experiência, além de criar uma inevitável rede de difusão sobe a importância da arte como pivô do desenvolvimento do sujeito e seu papel na educação.

Instituto Tomie Ohtake

O Núcleo de Cultura e Participação do Instituto Tomie Ohtake realiza, desde 2002, um intenso programa que promove o aprendizado e a experimentação da arte e da cultura por parte de públicos de todas as idades e perfis sociais. No planejamento das ações educativas da instituição busca-se aproximar a concepção dos programas expositivos à arte-educação. Cumprindo o papel de difusor cultural, o Instituto vem capacitando professores da rede pública de ensino em arte-educação, com o objetivo de fornecer instrumentos às suas atividades profissionais e educacionais.

A parceria com o projeto ARTE!ESCOLA consiste em oferecermos visitas mediadas a grupos de alunos e professores das escolas participantes.

As visitas mediadas possuem duração de até 2 horas e a ação compreende, ainda, a realização de uma atividade prática e/ou poética. O ateliê, ou atividade prática, tem como intuito a reflexão e o aprendizado sobre arte a partir da práxis. Trata-se de uma atividade pensada a partir da exposição visitada, havendo para cada mostra o desenvolvimento de um ateliê específico, e que pode se utilizar dos mais diferentes tipos de materiais, técnicas e linguagens artísticas.

O programa educativo atende em média 30 mil pessoas por ano e busca ampliar as formas de conexão entre as pessoas e os campos da arte e da cultura e criar espaços democráticos de encontro e transformação social.

Metodologia de Participação

A partir do mês de Julho de 2018, escolas públicas e privadas, de ensino médio, poderão se cadastrar no Projeto ARTE!Escola:

- Promover a visitação de alunos do primeiro, segundo e terceiro colegial, a mostras, exibições e performances, organizadas por uma Instituição Cultural, Museu ou Centro Cultural, que já desenvolva este trabalho como parte da sua programação ou do seu departamento de cultura, educação e comunicação.

- Promover o interesse por parte de coordenadores pedagógicos e/ou professores para envolver os alunos na visitação e convoca-los a desenvolver um texto sobre a sua experiência com alguma das obras ou uma reflexão sobre a experiência.

- Os alunos encaminharão, através da escola, os textos para a redação da ARTE!Brasileiros, onde uma equipe avaliará os textos e escolherá, mensalmente até três textos por escola cadastrada.

- De preferencia os textos deverão ser redigidos em linguagem digital e submetidos em formato .doc.

- Os textos deverão ter:
Título - Até 30 caracteres
Linhas fina – Uma frase relevante que o aluno considere que apresenta seu texto em até 160 caracteres
Texto – Entre 3000 e 3500 caracteres

- As datas para entrega dos textos serão combinadas sempre pelos responsáveis da escola e ARTE!Brasileiros publicará os textos escolhidos até um mês após a entrega.

- A escolha dos textos a serem publicados será feita pela direção e conselho editorial do paginaB.com.br

CADASTRO PARA ESCOLAS QUE DESEJEM PARTICIPAR